segunda-feira, 24 de julho de 2017

LILICA

Letra e música:  Paulo Robson de Souza


Chegou em casa e fez
de mim história de amor...
O seu silêncio mais
falava
no seu corpo
no pulsar
no calor...

Bastou um afago, um sim,
um dengo, um olhar... Gemer
no descansar do som
pra sua vida,
o seu ventre oferecer
a mim.

A vida é sonho e diz
que fica o que se dá e se percebe...
Da vida, um sonho diz
que dura o dom que se recebe
na mente.

Grande ilusão
voltar pra aonde o tempo não vai mais estar...
Lilica, onde estará você?

Lilica... Onde estará?

(solo)

Chegou em casa e deu
o amor todo... Incondicional
Quis ser amada e amar
de um jeito
quase gente
quase deusa
quase animal.

Hoje a saudade tem
morada neste velho ser...
Hoje o silêncio diz
que o meu silêncio
é a pura voz
do não dizer...


A vida é sonho e diz
que fica o que se dá e se percebe...
Da vida, um sonho diz
que dura o dom que se recebe
na mente.

Grande ilusão
voltar pra aonde o tempo não vai mais estar...
Lilica, onde estará você?

Lilica... Onde estará?


O dom de amar por amar...


       (falado)
Como eu queria voltar!


No tempo...

(julho de 2017)

2 comentários: